Fatalmente estúpida

by offarinha

Segundo esta notícia, a manifestação de ontem mostrou que a apatia não é uma fatalidade dos portugueses. De acordo com a jornalista Ana Henriques, até ontem os portugueses viviam como bichos – apáticos e, o que é mais grave, apáticos por fatalidade. Ontem, finalmente, as trevas seculares romperam-se e os portugueses acederam a uma condição superior. No fundo, no fundo, somos gente! E podemos ser gente esclarecida! Bastou que umas palavras de ordem e umas cantigas fossem entoadas para ter eclodido o milagre da consciência – a manifestação e os que nela participaram são o elo perdido que nos guia em direção à humanidade plena. Os milhões que ficaram em casa, incomodados ou discordantes, continuam, pobrezinhos, ainda apáticos. Mas há esperança! A vanguarda manifestante e a sua porta voz Henriques indica o rumo da luz que nasce: se continuamos apáticos, isso já não é uma fatalidade. Basta berrarmos umas frases e deixaremos de ser como bestas. Abençoadas manifestações que geram tais epifanias!

Anúncios